Grêmio apresenta nova camisa em alusão ao Outubro Rosa

O Grêmio, em parceria com a Umbro Brasil, apresenta a nova camisa em alusão ao movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama.

Compartilhe:

O Grêmio, em parceria com a Umbro Brasil, apresenta a nova camisa em alusão ao movimento internacional de conscientização para o controle do câncer de mama. O novo manto da campanha Outubro Rosa, terá a camisa rosa com degradê nas respectivas cores do time.

O mote da ação para este ano é conscientizar a população em geral sobre a importância em se cuidar, partindo do princípio de que as pessoas precisam ser incentivadas a realizarem o autoexame, além de consultas periódicas para um diagnóstico precoce.

A equipe feminina de futebol irá estrear a nova camisa neste domingo (3), contra o Pelotas, na Boca do Lobo, em partida válida pela primeira fase do Campeonato Gaúcho.

A arte do manto rosa apresenta pixelização construída pelo formato de diamantes, desenvolvida com a premissa de que cada diamante representa uma torcedora e todas elas juntas são a força e a rede de apoio para que todas lutem e se previnam contra o câncer de mama.

Além disso, a meia lua na parte interna da gola, ganhou uma arte demonstrando todas as mulheres torcendo pelo seu time do coração e demonstrando a força de todas elas se unindo a favor da causa.

Outros detalhes estéticos que enriquecem ainda mais as peças, são o logo do time e da marca monocromáticos acompanhando o azul do degradê.

Vendas

A camisa do Outubro Rosa começa a ser comercializada nesta sexta-feira (1) na loja virtual: gremiomania.com.br. No sábado (2), passam a ser vendidas também na GrêmioMania da Arena e na unidade da rua dos Andradas, 1578. Também tem opções para o público juvenil e infantil.

Em favor ao Instituto da Mama do Rio Grande do Sul (Imama), parte do lucro líquido das vendas, durante todo o mês de outubro, será destinado à entidade, que é voltada à prevenção, ao diagnóstico precoce e à promoção de projetos como o Mamamóvel, veículo que realiza mamografias para o diagnóstico ágil da doença, o Programa de Desenvolvimento de Voluntários Imama (PDI) e O Cuidando Bem de Mim, de apoio biopsicossocial para as pacientes em tratamento.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), vinculado ao Ministério da Saúde, foram 66.280 casos novos apenas em 2020 no país. O Rio Grande do Sul é o quarto estado com mais incidência da doença.

 


Compartilhe: