RS encerra agosto com a média da gasolina acima dos 6 reais

Agosto encerra com a média da gasolina próxima dos R$ 6 na Região Sul do Brasil, aponta levantamento.

Compartilhe:

O último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), revela que a Região Sul liderou a maior média no preço da gasolina no fechamento do mês de agosto, a R$ 5,912, avanço de 2,35% em comparação com julho.

Apesar do aumento em relação ao mês anterior, o cenário de alta não afetou o comportamento que o preço do combustível vem seguindo desde o início do ano, com as menores médias do território nacional.

O diesel e o diesel S-10 também foram encontrados pelo menor preço médio nos postos da Região, a R$ 4,467 e R$ 4,498, respectivamente.

No recorte por estado, o Rio Grande do Sul foi o único entre os três estados da Região Sul do Brasil a registrar o litro da gasolina acima de R$ 6,00.

O combustível foi comercializado nos postos gaúchos a R$ 6,196, alta de 1,34%, em relação ao fechamento de julho. O Paraná lidera com a gasolina mais barata da região, comercializada a R$ 5,763, ainda assim o valor é 2,53% do que a média do mês anterior.

O preço do etanol também ficou mais caro nos postos do Sul, aumento de 2,39%, com média de R$ 5,268. Assim como com a gasolina, o Rio Grande do Sul também apresentou o preço médio mais alto para o etanol, vendido a R$ 5,908.

Em contrapartida, as bombas paranaenses registraram o litro mais barato do combustível, a R$ 4,610, mas no comparativo com julho foi o estado que apresentou a maior alta, de 3,97%.

O diesel comum foi comercializado pelo maior preço médio nos postos de Santa Catarina, comercializado a R$ 4,506, e o tipo S-10 no Rio Grande do Sul, a R$ 4,549.

Ambos os tipos do combustível foram encontrados pelo preço médio mais baixo nos postos paranaenses, a R$ 4,394 o tipo comum, e R$ 4,424 o tipo S-10.

 


Compartilhe: