Trensurb retoma circulação após acidente com caminhão na região da antiga Ponte do Guaíba

Conforme a Trensurb, a operação paralisada em todo o sistema para retirada da tela que caiu sobre a rede de energia do metrô.

Compartilhe:

O acidente que envolveu um caminhão na antiga Ponte do Guaíba, em Porto Alegre, obrigou a Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A.) a paralisar a circulação de comboios na tarde desta sexta-feira (27). A circulação dos trens foi retomada por volta das 17h40 da tarde desta sexta-feira. Parte de uma tela de proteção da linha férrea foi danificada pelo tombamento da carreta.

Conforme a Trensurb, a operação paralisada em todo o sistema para retirada da tela que caiu sobre a rede de energia do metrô. A remoção será feita pela CCR ViaSul, empresa que administra a antiga Ponte do Guaíba. Além de remover a proteção danificada, técnicos da Trensurb necessitam dar início dos serviços na própria rede de energia, que foi danificada pela queda da grade.

A Trensurb estimava que a operação fosse retomada as 16h50. No entanto, houve maior demora para o restabelecimento do serviço, pois foi possível recuperar o cabeamento na região próxima da antiga Ponte do Guaíba.

Mais cedo, quando a circulação estava restrita entre as estações Farrapos e Novo Hamburgo, ônibus foram disponibilizados para realizar o transporte de passageiros do trem que necessitavam ir até as estações São Pedro, Rodoviária e Mercado.


Compartilhe: