Sobe para 4 número de mortes em surto de coronavírus no Conceição; 73 pessoas testaram positivo

Nesta quarta-feira, outro hospital – o Clínicas – confirmou que também vivencia um surto da Covid-19. 

Compartilhe:

Subiu para quatro o número de mortes causadas pelo surto de Covid-19 no Hospital Nossa Senhora da Conceição, na zona norte de Porto Alegre. Ao todo, 73 pessoas testaram positivo, até a manhã desta quarta-feira (11), para o vírus Sars-CoV-2. Nesta quarta-feira, um terceiro hospital – o Clínicas – confirmou um surto da Covid-19.

Conforme o GHC (Grupo Hospitalar Conceição), entre as 73 pessoas que se contaminaram com o coronavírus, 54 são pacientes. Os casos foram registradas em 12 alas da instituição. Desse total, 31 pacientes estão em leitos de enfermaria, nove em unidade de terapia intensiva e outros dez já receberam alta.

Além deles, há 19 funcionários com diagnóstico positivo: 16 estão em isolamento domiciliar; outro esteve hospitalizado, mas recebeu alta e dois já retornaram ao trabalho. Entre os funcionários, 11 são auxiliares ou técnicos de enfermagem e os outros oito atuam na área de higienização da unidade de saúde. Todos os casos teriam ocorrido em áreas de enfermaria que não atendiam testados ou suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

Quatro mortes podem estar associadas à disseminação do vírus dentro do ambiente hospitalar. As duas primeiras foram confirmadas pela instituição na segunda-feira (9): uma mulher, de 58 anos, que havia sido internada no dia 8 de julho com quadro de insuficiência hepática; e um homem que tinha 78 anos e havia sido internado no Conceição no dia 7 de julho para tratamento gastrointestinal.

A terceira morte foi de uma mulher, de 84 anos, que tinha problemas cardíacos e câncer gástrico. E a última foi divulgada hoje (11). Trata-se de mulher, de 81 anos, com sequelas de um AVC (acidente vascular cerebral) e pneumonia.

A suspeita que os contágios tenham ocorrido pela variante Delta do coronavírus. Detectada primeiramente na Índia, ela é mais contagiosa que a cepa original, detectada na China no final de 2019.


Compartilhe: