RS se prepara para vacinar contra a covid-19 adolescentes sem comorbidades

Foi solicitado com urgência a liberação da vacinação do público em geral na faixa etária dos 12 aos 17 anos.

Compartilhe:

O Rio Grande do Sul está se preparando para vacinar contra a covid-19 adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades.

A informação foi dada nesta sexta-feira (20) pelo presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Cosems) e vice-presidente da Região Sul do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Maicon Lemos.

“Aguardamos apenas uma liberação do Ministério da Saúde para começar a imunizar este público. O ministério solicitou aos estados e municípios, na última reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT), que aguardasse por essa liberação. Ela deve ocorrer nos próximos dias, e será nacional”, ressaltou.

Segundo Lemos, o avanço da imunização para este público não competirá com a aplicação das segundas doses de imunizantes no Estado.

“A maior parte das segundas doses que temos para fazer no Rio Grande do Sul são da AstraZeneca. E a vacina autorizada para crianças a partir dos 12 anos é a da Pfizer”, lembrou.


Compartilhe: