“Conseguimos dar um passo grande para escapar da zona do rebaixamento”, disse Felipão após Grêmio vencer o Bahia

O Grêmio enfrentou o Bahia, na Arena neste sábado (21), em jogo válido pela 17ª rodada do Brasileirão.

Compartilhe:

O Grêmio enfrentou o Bahia, na Arena neste sábado (21), em jogo válido pela 17ª rodada do Brasileirão. Com gols de Borja e Diego Souza, a equipe comandada pelo técnico Felipão venceu por 2 a 0, alcançando a 17ª posição na tabela, com 16 pontos.

O primeiro tempo da partida teve muita disputa por parte das duas equipes, porém com o Grêmio sofrendo com uma retranca bem armada, dificultando o avanço para o campo do adversário.

A melhor oportunidade foi do Bahia, com Rodriguinho, de cabeça, acertando o poste direito da meta do goleiro gremista Gabriel Chapecó.

Já no segundo tempo, o Grêmio voltou com mais domínio de bola e sem deixar o Bahia ultrapassar o meio-campo.

Aos 4 minutos, o Tricolor abriu o placar com um golaço de cabeça do atacante Miguel Borja, após cruzamento perfeito de Rafinha, da direita.

Desesperado para empatar, o Bahia se lançou no ataque e deixou espaços atrás. Com isso, o Grêmio conseguiu ampliar aos 49 minutos do segundo tempo. Diego Souza recebeu dentro da área, limpou a marcação e só deslocou o goleiro adversário e fez 2 a 0.

Coletiva 

Na coletiva, Felipão comentou e comemorou o resultado na Arena. “Pela primeira vez no campeonato nós ganhamos duas seguidas. Então conseguimos dar um passo grande para escapar da zona do rebaixamento. Agora nós passamos a ter mais confiança e isso vai nos ajudar na sequência do campeonato”, disse.

“A nossa única disputa nesse momento é sair da zona de rebaixamento. Nosso problema hoje é um só, equilibrar a tabela e depois ver onde podemos chegar. Estamos muito longe de estar prontos”, ressaltou Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio.

Mesmo preocupado com o Brasileirão, o dirigente afirmou que o Grêmio vai disputar a Copa do Brasil com os titulares.

“O Grêmio vai jogar com o que tem de melhor. Nós vamos para o enfrentamento, reconhecendo toda a grandeza do Flamengo, mas sabendo que temos jogadores que tem capacidade, porém cientes que é um jogo difícil”, ressaltou.


Compartilhe: