Nove pessoas são presas após assalto a ônibus de turismo no Noroeste do RS

Alvo era um coletivo que levava pessoas para realizar compras no país vizinho. Cerco aos integrantes da quadrilha durou 28 horas. 

Compartilhe:

Nova pessoas foram presas em uma ação da Brigada Militar e da PRF (Polícia Rodoviária Federal) após uma ocorrência de roubo a um ônibus com destino ao Paraguai. Alvo era um coletivo que levava pessoas para realizar compras no país vizinho. Cerco aos integrantes da quadrilha durou 28 horas e terminou no domingo (4).

Conforme a BM, o ataque ocorreu por volta das 18h de sexta-feira (2). O alvo foi um coletivo que havia saído de Santa Maria, na região Central, em direção a Foz do Iguaçu, no Paraná. Dois indivíduos que haviam embarcado no coletivo em Cruz Alta anunciaram o assalto após o veículo ser abordado por um veículo na BR-158, em Panambi.

O motorista do ônibus foi obrigado a dirigir até a cidade de Condor e parar o ônibus em uma estrada de chão batido, onde o veículo acabou atolando. Na fuga, os assaltantes levaram os pertences das vítimas.

A Brigada Militar e a PRF foram informadas do assalto e começaram buscas ostensivas aos integrantes da quadrilha. Em Santa Bárbara do Sul, houve um confronto armado com os suspeitos. Os criminosos fugiram para o mato após abandonarem o carro e alguns pertences roubados.

Buscas foram realizadas com apoio de unidades táticas do BOPE (Batalhão de Operações Especiais), BAvBM (Batalhão de Aviação da Brigada Militar) e do 3°BPChoque (3º Batalhão de Polícia de Choque).

No sábado, houve um novo confronto entre os assaltantes e os policiais. Um dos procurados acabou sendo baleado. Ele foi conduzido para o hospital municipal de Santa Bárbara do Sul. Foram apreendidos um revólver calibre 38 com munições intactas e deflagradas, mais de R$ 8 mil em dinheiro, joias, celulares e demais objetos em uma mochila.

Na noite de sábado, outros oito envolvidos do assalto foram presos. Cinco estavam diretamente envolvidas no roubo ao coletivo, inclusive obrigando a rendição dos passageiros do coletivo. Os outros três prestavam suporte para a realização da fuga da quadrilha. Foram apreendidas cinco armas de fogo, sendo uma arma espingarda calibre 12 e quatro revólveres, celulares e dinheiro.

A ocorrência só foi finalizada na manhã de domingo (4). Os presos foram levados até a Delegacia de Polícia para homologação das prisões em flagrante delito por roubo.


Compartilhe: