Sapiranga: dois supermercados são interditados por venda de alimentos impróprios

Ao todo, 2,6 toneladas de mercadorias foram inutilizadas. Dois mercados foram interditados no bairro São Luiz, em Sapiranga.

Compartilhe:

Dois supermercados foram interditados em uma ação do Ministério Público, da Brigada Militar, Polícia Civil e do Procon em Sapiranga, no Vale do Sinos. Ao todo, 2,6 toneladas de mercadorias foram inutilizadas.

Na ação desta terça-feira (15), cinco estabelecimentos e um açougue foram vistoriados. Os principais problemas encontrados foram carne vencida, sem procedência, estragada e fora da temperatura adequada.

Dois mercados, ambos situados no bairro São Luiz, foram interditados. Em um dos estabelecimentos, foram apreendidos 740 quilos de alimentos impróprios para o consumo humano. No outro, foram recolhidos 275 quilos. Ambos tinham problemas nas áreas de manutenção, açougue, padaria e depósito.

Os responsáveis pelos estabelecimentos poderão responder por delito contra as relações de consumo. A pena, em caso de condenação penal, pode ser de dois a cinco anos.


Compartilhe: