Polícia Civil registra mais dois ataques com pedras contra veículos na entrada de Porto Alegre

Ainda não há suspeitos identificados, mas a polícia já tem informações de um grupo que realiza ataques a motoristas na região.

Compartilhe:

A Polícia Civil registrou mais duas ocorrências de ataques com pedras contra veículos na entrada de Porto Alegre, entre a FreeWay e a Avenida Castello Branco.

Segundo a polícia, os ataques aconteceram no mesmo dia em que Munike Fernandes Krischke, 45 anos, morreu após ter sido atingida por um paralelepípedo dentro do carro em que estava, no último sábado (12).

Ainda não há suspeitos identificados, mas a polícia já tem informações de um grupo que realiza ataques a motoristas na região.

A Polícia Rodoviária Federal e a Brigada Militar irão se reunir na quinta-feira (17) para discutir ações e medidas de segurança em passarelas, pontes e viadutos nas rodovias da Região Metropolitana Porto Alegre.


Compartilhe: