Santa Maria tem surto de dengue na área central da cidade

Até o momento, são 26 ocorrências confirmadas da doença e outras 51 em investigação

Compartilhe:

A Prefeitura de Santa Maria alerta para a ocorrência de 26 casos já confirmados de dengue. Outros 51 estão em investigação. Os dados são do último boletim epidemiológico de dengue do município da Região Central do Estado.

Segundo as autoridades da saúde, a maior parte dos casos está concentrada na região limítrofe entre os bairros Nossa Senhora do Rosário e Bonfim, na área central da cidade. A Secretaria Municipal de Saúde tem recebido notificações de outros bairros. No entanto, geralmente, os pacientes diagnosticados com dengue que não moram nos bairros Nossa Senhora do Rosário e Bonfim, geralmente, trabalham ou tiveram contato com pessoas que residem nessa região.

A vigilância ambiental considera o surto ainda de pequeno porte. A questão é que, justamente pelo fato da incidência da doença se dar em uma região muito específica, o fenômeno pode ser chamado de surto, já que os mosquitos fazem transmissão comunitária.

O coordenador de Vigilância Ambiental – Controle do Aedes aegypti, Denoide Samuel Mezecka, diz que a Secretaria Municipal de Saúde segue com o trabalho de busca ativa para controle dos casos, de segunda a sexta-feira. Segundo ele, os agentes de saúde da Prefeitura vão até as residências da população, com a devida identificação, e todos os EPIs (Equipamento de Proteção Individual) necessários para evitar transmissão do coronavírus.

Mezeck também orienta as pessoas que apresentam sintomas a irem a uma Unidade Básica de Saúde. O exame de dengue é feito gratuitamente pelo SUS (Sistema Único de Saúde)


Compartilhe: