Na estreia de Tiago Nunes na Arena, Grêmio goleia Aragua na Sul-Americana

Ao natural, o Tricolor fez logo 8 a 0, com seis gols ainda no primeiro tempo

Compartilhe:

Tiago Nunes estreou na Arena. E o Grêmio não teve dificuldades para aplicar uma severa goleada no Aragua-VEN, na noite desta quinta-feira (6). A partida era válida pela terceira rodada da fase de grupos da Sul-Americana. Ao natural, o Tricolor fez logo 8 a 0, com seis gols ainda no primeiro tempo.

O Tricolor contava com alguns desfalques. Kannemann, Pinares, Pepê e Alisson passam por recuperação física. Rodrigues está suspenso. Matheus Henrique teve um entorse no tornozelo direito. Além deles, Jean Pyerre sentiu desconforto muscular na coxa direita.

Mas isso não impediu o Grêmio de fazer um gol atrás do outro. Luiz Fernando e Ferreira, cada um duas vezes, e Diego Souza, de pênalti, anotaram para o Grêmio. Arquímedes Hernández contra ampliou a goleada ainda na etapa inicial.

E teria mais no segundo tempo. Maicon, mais um de pênalti, fez o sétimo gol. Mais tarde, Churín faria o oitavo.

Situação e próximos jogos

O Grêmio é líder isolado do Grupo H da Sul-Americana, com 9 pontos. Cem por cento de aproveitamento. O técnico recém chegado, Tiago Nunes, também é 100%. Venceu todos os quatro jogos até agora no comando Tricolor: Ypiranga, Lanús, Caxias e agora o Aragua.

O próximo jogo do Grêmio pela competição internacional é na quinta-feira que vem (13), contra o Lanús, dessa vez na Arena, em Porto Alegre. Nessa fase, somente o líder de cada Grupo passa adiante.

No domingo (9), o Tricolor recebe o Caxias na Arena no jogo da volta das semifinais do Campeonato Gaúcho. Na primeira partida, na Serra Gaúcha, o Grêmio venceu por 2 a 1. A partida será realizada Às 16h.

Ficha Técnica

Grêmio

Brenno; Rafinha, Pedro Geromel (Paulo Miranda), Ruan e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Pedro Lucas), Darlan e Maicon; Luiz Fernando (Ricardinho), Diego Souza (Churín) e Ferreira (Guilherme Azevedo)

Técnico: Tiago Nunes

Aragua

Yustiz; Manríque, Arquímedes Hernández, Andrés Farreras e José Yégüez (Zapata); Pedro Àlvarez (Arias), Andrés Hernández (Diego Guerrero), José Torres (Homero Calderón) e Duche; Juan García e Arace (Daniel Febles)

Técnico: Enrique García

Árbitro: Guillermo Guerrero (EQU)
Auxiliares: Christian Lescano e Juan Aguiar (EQU)


Compartilhe: