Governo do RS flexibiliza normas e permite abertura do comércio não essencial nos fins de semana

Bares e restaurantes também foram beneficiados e podem funcionar até 22h durante a semana. Bandeira preta, no entanto, segue vigente.

Compartilhe:

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), anunciou flexibilização de medidas de isolamento social após seis semanas de restrições máximas. O governo do Estado chama o plano de alterações nas regras de “abertura responsável”. A principal medida é a permissão para reabertura do comércio não essencial durante os fins de semana. Bares e restaurantes também foram beneficiados e podem funcionar até 22h. Bandeira preta, no entanto, segue vigente pela sexta semana consecutiva.

Conforme o governo, as novas regras já estarão vigentes a partir deste sábado (10). Em uma transmissão na internet, Leite afirmou que as medidas foram tomadas após análise criteriosa dos dados que a Secretaria da Saúde tem sobre os níveis do contágio por covid-19 no Estado. Eles apresentam queda, mas ainda são bastante preocupantes. Por exemplo, ainda estão baixos os estoques do chamado “kit intubação” e a taxa de ocupação de leitos é de 95% no Rio Grande do Sul.

Veja abaixo o que muda

De segunda a sexta-feira

  • Segue a restrição de atividades presenciais não essenciais das 20h e 5h do dia seguinte.
  • Supermercados não possuem mais restrição de horário. Anteriormente, a orientação era fechamento às 20h.
  • Restaurantes e lanchonetes podem funcionar com presença de público a partir das 5h, com entrada até 22h e saída de todos os clientes até 23h.
  • Das 22h01 até as 5h da manhã, bares e restaurantes devem atuar somente por delivery
  • Academias e serviços religiosos podem funcionar das 5h as 22h.

Sábado e domingo

  • Restaurantes e lanchonetes podem funcionar com presença de público a partir das 5h, com entrada até 15h e saída de todos os clientes até 16h.
  • Após as 15h até as 5h, restaurantes e lanchonetes devem trabalhar apenas com delivery
  • Comércio não essencial pode atuar das 5h até as 20h.
  • Academias e serviços religiosos podem abrir das 5h até as 22h.
  • Já os demais serviços com atividade permitida podem atuar das 5h até as 20h.

Compartilhe: