Deputados aprovam lei que proíbe corrida de cachorros no RS

O texto foi proposto pelo Executivo, que já havia editado um decreto regulamentando a norma em fevereiro deste ano.

Compartilhe:

Os deputados aprovaram, nesta terça-feira (6) na Assembleia Legislativa, um projeto de lei que proíbe a realização de corridas de cachorros no Rio Grande do Sul.

O placar da votação em plenário foi de 53 a zero. O texto foi proposto pelo Executivo, que já havia editado um decreto regulamentando a norma em fevereiro deste ano.

O texto será enviado para sanção do governador Eduardo Leite. A proibição abrange todo e qualquer tipo de competição, independentemente do objetivo – apostas, ofertas de brindes e promoções.

O deputado estadual Tenente-Coronel Zucco acrescentou uma emenda ao texto original, que proíbe a realização de tatuagens e colocação de piercings em animais para fins estéticos.

A emenda foi aprovada por 52 votos favoráveis e nenhum contrário.


Compartilhe: