Santa Maria recebe 15 pacientes com covid-19 vindos de Manaus

Na segunda-feira (1), outros 17 manauaras desembarcaram em Porto Alegre para tratamento.

Compartilhe:

Mais 15 pacientes Covid-19 provenientes de Manaus chegaram ao Rio Grande do Sul na noite desta terça-feira (2). São oito homens e sete mulheres.

Eles foram trazidos por um avião da Força Aérea Brasileira adaptado com equipamentos que garantem a estabilidade e segurança deles. Desta vez, pousaram no município de Santa Maria, com destino ao Hospital Regional.

Na segunda-feira (1), outros 17 manauaras desembarcaram em Porto Alegre para tratamento. Os novos pacientes serão mantidos isolados até mesmo de outras pessoas que contraíram o coronavírus.

Eles ocuparão leitos clínicos, porém, caso algum apresente piora no quadro e precise de internação em UTI, poderá ser encaminhado ao Hospital Universitário de Santa Maria.

“Estamos tendo a oportunidade de devolver todo o amor e carinho que o país teve com Santa Maria quando passamos pelo incêndio da Kiss, há oito anos. Agora, de forma extremamente organizada, estamos garantindo atendimento aos pacientes de Manaus, sem descuidar daqueles que seguem em tratamento em Santa Maria e na região. Agradecemos aos trabalhadores da saúde pela ajuda imediata”, disse o prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom.

“Este é um trabalho conjunto entre secretarias de Saúde dos Estados e municípios, do Ministério da Saúde e de empresas privadas. Somos todos parceiros pelo bem dessas pessoas transferidas. Esse é um momento de não medir esforços para dar o melhor acolhimento possível aos amazonenses”, explicou o secretário da Saúde de Santa Maria, Guilherme Ribas.

De acordo com o diretor técnico do Hospital Regional de Santa Maria, Mery Martins Neto, esta operação é mais complexa do que as que acorreram em Porto Alegre.

O hospital abriu seis portas de entrada para as ambulâncias, no intuito de acomodar os pacientes o mais rápido possível. Martins disse que a equipe hospitalar está colocando todo o seu conhecimento e sua solidariedade neste trabalho.

“Todos os colaboradores do Hospital Regional estão envolvidos e comprometidos com essa operação”, salientou.

Variante 

A variante do vírus causador da Covid-19 que circula pelos Estados do Norte já foi notificada no Rio Grande do Sul, ressalta o diretor do Departamento de Regulação Estadual da Secretaria da Saúde, Eduardo Elsade.

“Não há como conter a entrada desta cepa do vírus, mas o menor risco que corremos é pela chegada destes pacientes. Eles vêm absolutamente isolados, com toda a equipe de bordo paramentada e seguindo normas rígidas”, salientou.


Compartilhe: