Município gaúcho registra morte de macaco por febre amarela

Este seria o primeiro caso de morte de um bugio por febre amarela no Rio Grande do Sul desde 2009.

Compartilhe:

O município de Pinhal da Serra, na Região Norte do Rio Grande do Sul, registrou a morte de um macaco por febre amarela.

O macaco foi encontrado morto em uma mata na localidade de Campo Alto, no interior da cidade. Este seria o primeiro caso de morte de um bugio por febre amarela no Rio Grande do Sul desde 2009.

Segundo a Prefeitura de Pinhal da Serra, pelo menos 12 animais foram encontrados mortos na região, mas o vírus causador da doença foi detectado nas amostras de um deles.

Até o momento, nenhuma pessoa apresentou sintomas, conforme a prefeitura. Os macacos não têm qualquer impacto na disseminação do vírus diretamente para pessoas. A doença é transmitida para humanos apenas por mosquitos.

Até o momento, nenhuma pessoa apresentou sintomas, conforme a Prefeitura de Pinhal da Serra.

 


Compartilhe: