Governo do RS autoriza desconto em folha de auxílio emergencial recebido indevidamente por servidores

Foram identificados cerca de 3,5 mil vínculos, entre servidores, aposentados e pensionistas, civis e militares do Estado que receberam irregularmente o benefício.

Compartilhe:

O governador Eduardo Leite sancionou nesta quarta-feira (9) o projeto de lei que permite o desconto em folha do auxílio emergencial indevidamente recebido por servidores durante a pandemia de covid-19.

Foram identificados cerca de 3,5 mil vínculos, entre servidores, aposentados e pensionistas, civis e militares do Estado que receberam irregularmente o benefício.

“Não toleraremos essa má utilização de recursos públicos e daremos as devidas consequências para quem, sem se enquadrar nos critérios, acabou recebendo vantagem indevida”, ressaltou Leite.


Compartilhe: