Brasil ultrapassa marca de 94 mil óbitos por Covid-19

O Rio Grande do Sul registrou neste domingo 27 óbitos, elevando o total para 1.974.

Compartilhe:

O Brasil registrou neste domingo (2) 541 mortes pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), elevando o número total de óbitos para 94.104, segundo levantamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde. No Rio Grande do Sul, a doença já custou a vida de quase 2 mil pessoas. Conforme balanço da Secretaria Estadual da Saúde, foram registrados neste domingo 27 mortes, elevando o total para 1.974. Nos fins de semana, os números diários costumam ser menores devido ao atraso nos registros das mortes.

De acordo com os dados nacionais, existem 2.733.677 casos de Covid-19 desde o início da pandemia, com um acréscimo de 25.800 novos contágios entre ontem e hoje. A taxa de incidência continua subindo e é de 1, 3 mil pessoas por cada 100 mil habitantes, enquanto a letalidade do coronavírus é 3,4%.

São Paulo continua sendo o estado com maior número de ocorrências da doença, com 558.685, e de mortes, 23.317. Já o Ceará se mantém em segundo lugar em número de casos, com 176.580, e 7.709 óbitos. Na sequência, aparece a Bahia, com 170.476 pessoas infectadas e 3.5.72 mortes, e o Rio de Janeiro com 167.225 contaminações e 13.572 falecimentos.

No Estado, são 71.040 testes positivos para a doença. No entanto, estimativa do governo do Estado é que o número de infectados seja de duas a três vezes maior.

Com os dados, o Brasil se mantém em segundo no ranking de países com maior número de casos de covid-19 e mortes, atrás apenas dos Estados Unidos. Na noite de ontem (1º), o Ministério da Saúde anunciou que o país registrou 1.088 mortes em 24 horas motivadas pela Covid-19. Além disso, também foram registrados 45,3 mil novos casos em um dia.


Compartilhe: