fbpx

Gauchão: Grêmio empata com o Ypiranga, no CFT Hélio Dourado

Com gol marcado por Diego Souza, o Grêmio empatou em 1 a 1 com o time de Erechim
Lance da partida entre Grêmio e Ypiranga disputada na manha deste domingo. Foto: Lucas Uebel/Divulgação

Grêmio entrou em campo, desta vez no CFT Presidente Helio Dourado, em Eldorado do Sul, para disputar mais uma partida pelo Campeonato Gaúcho, neste domingo (26), diante do Ypiranga pela 5ª rodada do segundo turno da competição.

Com gol marcado por Diego Souza, empatou em 1 a 1 com o time de Erechim, alcançando 13 pontos na tabela, ocupando a 1ª posição.

O Grêmio iniciou o jogo criando chances logo nos minutos iniciais. Diego Souza recebeu um bom passe de Everton e finalizou a gol, obrigando o goleiro Deivity a fazer uma boa defesa.

Já o Ypiranga tentou responder a altura, com uma jogada de Muriel e Leilson – o camisa 11 foi acionado e desviou de cabeça para a meta, mas Vanderlei defendeu.

Na metade do primeiro tempo, o ritmo do Grêmio seguiu intenso e, por vezes, o time ameaçou. Aos 37 minutos que o Tricolor conseguiu abrir o marcador, com Diego Souza, depois de uma jogada trabalhada pela esquerda. Everton foi a linha de fundo, cruzou, Deivity espalmou, mas Diego Souza pegou o rebote e mandou de voleio. 1 a 0.

Os visitantes tentaram o empate na reta final e conseguiram. Aos 43 minutos, perto da meia lua da grande área, Muriel chutou muito bem e acertou as redes da meta gremista, deixando tudo igual.

Na etapa complementar, o Grêmio tentou aumentar seu ritmo e trabalhar as jogadas nos minutos iniciais. Com 4 minutos  jogados, Everton fez uma grande jogada pela esquerda, driblou o marcador e cruzou para Victor Ferraz, mas o lateral não conseguiu chegar a tempo e a bola se perdeu pela linha de fundo.

Mas o Ypiranga conseguiu segurar o ataque gremista.  Na reta final, na base do jogo aéreo, o Grêmio insistiu. Primeiro Geromel levantou na área, mas a zaga cortou e depois, da esquerda, Jean Pyerre alçou na boca do gol, mas a defesa jogou para escanteio.

Aos 45’, uma grande oportunidade surgiu com Matheus Henrique, que ficou cara a cara com o goleiro, mas teve seu chute defendido por Deivity.

📰 Receba as notícias do Agora no seu WhatsApp e Telegram
Notícias relacionadas