Cortes de energia elétrica provocam falta de água em Cachoeirinha e Gravataí

Cidades da região metropolitana de Porto Alegre enfrentam falta de água e de energia elétrica após o temporal do fim da tarde deste sábado.

Compartilhe:

Cidades da região metropolitana de Porto Alegre enfrentam falta de água e de energia elétrica após o temporal do fim da tarde deste sábado. As mais afetadas são Cachoeirinha e Gravataí.

Conforme a Corsan (Companhia Riograndense de Saneamento), o problema de abastecimento é causado pelo corte no fornecimento de energia elétrica. As unidades de bombeamento dependem da luz fornecida pela RGE (Rio Grande Energia).

Em Cachoeirinha, a Corsan não informa quantos bairros são afetados. A previsão de retorno é no fim da noite.

Já em Gravataí, são ao menos 25 localidades sem água. A lista inclui Centro, Morada do Vale, Planaltina, Parque dos Eucalíptos, Barnabé, Bom Princípio, Vila Rica, Cruzeiro I e II, Nossa Chácara, Bom Sucesso, Esplanada, São Jerônimo, Vila Branca, São Luiz, Monte Belo, Santa Fé, Residencial Ibiza, Vera Cruz, São Judas Tadeu, Parque Florido, Parque Olinda, Novo Mundo E Vila Elisa.

De acordo com a Corsan, após o retorno da energia, poderão ocorrer oscilações na pressão da água, e a normalização do abastecimento “se dará gradualmente”.

Quanto ao número de clientes sem energia elétrica ainda não há estimativa por parte da CPFL, empresa que controla a RGE. Já a CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica) estima em 10 mil o número de unidades consumidoras com o fornecimento interrompido em Porto Alegre.

Problemas de energia no Hospital Vila Nova

A reportagem recebeu informações que também houve problemas de abastecimento de energia elétrica no Hospital Vila Nova, na zona sul de Porto Alegre. O problema é agravado pelo forte calor durante o dia.

Conforme o hospital, um raio atingiu a rede elétrica e danificou também o gerador que atende o prédio. Equipes trabalham no local para recompor o sistema elétrico e a previsão é que a energia retorne a partir das 22h.


Compartilhe: