fbpx

PM reage a assalto e bandido é morto em Porto Alegre

Um policial militar da reserva remunerada reagiu a um assalto e matou um ladrão em Porto Alegre. O caso ocorreu no Jardim Ypu, bairro Alto Petrópolis, zona leste de Porto Alegre. Foi o segundo caso de um brigadiano reagir a uma ação de ladrões na Capital em menos de 12 horas.

Conforme o delegado Guilherme Gerhardt, que prestou atendimento ao caso no local, o PM estava mostrando um carro a um amigo. Foi quando, na esquina das avenidas Germano Schmarczek e Mãe Apolinária Matias Batista, ao menos três bandidos em um carro preto abordaram os dois homens.

Os ladrões teriam exigido o veículo, apontando para as vítimas algo semelhante a uma arma. O PM viu oportunidade e reagiu à injusta agressão e atirou contra os criminosos. Foram feitos cinco disparos, conforme testemunhas.

Um dos bandidos, que portava um simulacro – ou seja, uma réplica –, foi baleado. Ele foi socorrido pelos comparsas, mas foi deixado para trás a uma quadra de distância do assalto. O ladrão, que não teve a identificação tornada pública, morreu na rua.

O caso é tratado pela Polícia Civil como legítima defesa. No entanto, como houve morte na ocorrência, um inquérito será aberto. O processo de investigação é aberto independentemente da condição de quem foi morto.

Conforme a Polícia Civil, os outros dois assaltantes conseguiram fugir. Buscas a suspeitos chegaram a ser feitas, mas ninguém envolvido no caso foi preso até a metade da manhã desta sexta-feira.

Também nesta quinta-feira, um sargento aposentado da Brigada Militar reagiu a um assalto e matou o criminoso no bairro Jardim Leopoldina, em Porto Alegre.

📰 Receba as notícias do Agora no seu WhatsApp e Telegram
Notícias relacionadas