Bandidos rendem funcionários e assaltam banco na zona norte de Porto Alegre

A polícia suspeita que os ladrões conheciam muito bem a rotina do banco. Em alguns casos, funcionários da agência foram chamados pelo nome pelos assaltantes.

Compartilhe:

Ao menos cinco bandidos assaltaram um banco na zona norte de Porto Alegre na manhã desta quarta-feira (19). O grupo atacou a agência do Bradesco por volta das 8h da manhã, cerca de duas horas antes do estabelecimento ser aberto. Funcionários foram feitos reféns na ação.

O ataque ocorreu na agência do Bradesco que fica na avenida Farrapos, no bairro São Geraldo, próximo à avenida São Pedro. A região é bastante movimentada no início da manhã.

Conforme a Polícia Civil, a ação começou entre 7h30 e 8h, quando três bandidos entraram no prédio. Eles renderam os funcionários que estavam no local. Depois, esperaram cerca de mais uma hora até a chegada de mais dois comparsas. Esses integrantes da quadrilha trouxeram itens para violar o cofre e os caixas eletrônicos.

Nesse meio tempo, os demais funcionários eram feitos reféns a medida que iam chegando para trabalhar. A Polícia Civil estima que de 15 a 20 pessoas ficaram submetidas às ordens dos bandidos. Os servidores foram trancados em uma sala enquanto a quadrilha roubava o dinheiro.

A polícia suspeita que os ladrões conheciam muito bem a rotina do banco. Em alguns casos, funcionários da agência foram chamados pelo nome pelos assaltantes.

Uma parte da quadrilha violou um caixa eletrônico, de onde retirou dinheiro. O cofre da agência também foi alvo dos criminosos, que pegaram valores do local. As quantias ainda não foram contabilizadas. Conforme relato de um funcionário do banco, ao menos um dos ladrões usava luva cirúrgica.

Fuga e cerco

Após retirarem o dinheiro, os ladrões abandonaram o banco. Eles fugiram em duas caminhonetes: uma Nissan Outlander e uma Ford EcoSport. Ambos carros foram abandonados na Rua Almirante Barroso e trocados por, pelo menos, um outro veículo. Conforme testemunhas, seria uma caminhonete da marca BMW.

Após ser comunicada do roubo, a Brigada Militar montou uma operação de caça aos bandidos. Guarnições ordinárias e de operações especiais e até um helicóptero são usados na tentativa de capturar os ladrões. No entanto, ninguém foi preso até às 13h15 desta quarta-feira.

O banco assaltado foi isolado pela Polícia Civil após a coleta de depoimento dos funcionários da agência. Abalados, eles foram dispensados e foram para casa. O prédio onde ocorreu o assalto passou por perícia técnica, para identificar possíveis indícios que ajudem na investigação. A agência ficará fechada nesta quarta.


Compartilhe: