Rolante: polícia faz buscas por taxista que desapareceu e teve carro incendiado

Sérgio Jaime Bernardes ainda não foi localizado pelos policiais. Imagens de uma câmera mostram o momento em que o carro foi abandonado.

Compartilhe:

A Polícia Civil está realizando buscas por um taxista que está desaparecido desde a noite de ontem (28). Sérgio Jaime Bernardes, 64 anos, não é visto desde às 18h de quinta-feira. Imagens de câmeras de videomonitoramento capturaram o momento que o carro onde a vítima trabalhava foi abandonado.

Conforme a Polícia Civil, Bernardes realizou uma viagem habitual, o transporte de duas crianças, no fim da tarde. No entanto, não foi entregar o veículo para o dono do táxi, às 18h, como de costume. O patrão estranhou e tentou contato com o taxista. Ele não conseguiu falar com Bernardes.

A polícia foi acionada por volta e começou a fazer buscas ao entardecer. Pouco tempo depois, a caminhonete Chevrolet Spin usada pela vítima foi encontrada. O veículo abandonado na localidade de Morro da Figueira, interior de Santo Antônio da Patrulha. A Spin estava com o banco do passageiro parcialmente queimado.

O taxista não foi localizado pelos policiais. Imagens de uma câmera de monitoramento mostram o momento em que o carro foi abandonado. A gravação não foi tornada pública.

Mas, nas imagens, é possível quando um Toyota Corolla fecha a caminhonete. Dois homens tentam colocar fogo no carro. O condutor não aparece nas imagens, que são de longe, e são atrapalhadas por um poste em frente da porta do motorista.

Até às 9h da manhã não haviam pistas de Bernardes. Efetivos da Polícia Civil seguem fazendo buscas em todo o Vale do Paranhana e Litoral Norte para encontrar o taxista.


Compartilhe: