Homem é preso suspeito de balear instrutor de autoescola durante aula

Compartilhe:

Foi preso, no início da manhã desta terça-feira (22), em Sapucaia do Sul, o suspeito de balear um instrutor de autoescola durante uma aula, em São Leopoldo, no Vale do Sinos, no dia 14. Segundo a Polícia Civil, o suspeito foi preso preventivamente, em casa, por volta das 6h.

Fabiano Zeferino Peixoto, de 32 anos, foi detido durante cumprimento de mandados de busca e apreensão e de prisão. Na residência dele, foram encontrados objetos que, conforme a Polícia Civil, poderão ser utilizados como provas de envolvimento de Peixoto no crime.

Na tarde de 14 de janeiro, Mateus Mora de Vargas, de 22 anos, sofreu uma tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte) durante uma aula de direção, na rua da Justiça, no bairro Cristo Rei, em São Leopoldo. O instrutor estava no banco do carona de um carro dirigido por uma aluna, de 25 anos.

Durante o assalto, criminosos balearam o homem, que foi atingido no abdômen. Ele foi socorrido, passou por cirurgia e, agora, está internado em estado estável, não precisando mais de equipamentos para respirar. Já a aluna teve a bolsa levada, mas saiu ilesa. Os assaltantes não roubaram o carro.

A Polícia Civil investiga o crime. A aluna já prestou depoimento e disse que o professor não reagiu à abordagem. O instrutor de autoescola ainda teria solicitado aos bandidos que se mantivessem calmos, mas mesmo assim foi baleado.

Imagens de câmeras de videomonitoramento são analisadas pela polícia. Nas imagens, um outro bandido aparece participando da ação. Ele ainda é procurado pela polícia. A gravação aponta Fabiano Peixoto, preso nesta terça-feira, como o autor do disparo que atingiu o instrutor.


Compartilhe: