RS registra mais dois ataques a agências bancárias nesta quarta

Em um dos casos, uma agência do Banco do Brasil foi alvo de explosão para que os assaltantes pudessem roubar o dinheiro.

Compartilhe:

Mais duas cidades gaúchas foram alvos de bandidos que visam roubar caixas eletrônicos ou estabelecimentos bancários. Em um dos casos, uma agência do Banco do Brasil foi alvo de explosão para que os assaltantes pudessem roubar o dinheiro.

O caso ocorreu em Butiá, na região Carbonífera. Eram cerca de 3h30 da manhã quando ao menos cinco criminosos chegaram ao banco. Os vidros da fachada do Banco do Brasil foram quebrados a marretadas. Depois, parte dos bandidos realizaram três detonações para atingir o cofre da agência.

Enquanto isso, os demais realizavam disparos de arma de fogo para o alto, na tentativa de intimidar moradores. Da mesma forma, visava impedir uma resposta da polícia.

Após conseguirem roubar o dinheiro, a quadrilha fugiu em um Fiat Brava. O veículo foi encontrado na estrada da Quitéria, no limite de Butiá com São Jerônimo, atravessado na via.

Conforme a rádio Gazeta do Jacuí, agência do Banco do Brasil foi reaberta no dia 6 de abril. Três meses antes bandidos haviam atacado três bancos na cidade.

Tentativa em Pinto Bandeira

Além do crime perpetrado em Butiá, o Estado teve o registro de mais uma tentativa no município de Pinto Bandeira, no Serra gaúcha. Bandidos tentaram violar o cofre de um caixa eletrônico do Banrisul da agência bancária.

Conforme testemunhas quatro bandidos em um Chevrolet Monza atacaram a agência localizada na Rua Sete de Setembro, no Centro da cidade. No entanto, não conseguiram acessar o terminal pois o alarme disparou. Eles fugiram antes da chegada da polícia.


Compartilhe: