ERS-040 recebe manutenção de pavimentos no caminho para o Litoral

Mas justamente neste período, que tem um grande fluxo de veículos para o Litoral, o governo do RS resolveu agilizar algumas obras.

Compartilhe:

O ano está acabando e com ele vem o verão, quando começa o período de praia até março. Mas justamente neste período, que tem um grande fluxo de veículos para o Litoral, o governo do RS resolveu agilizar algumas obras.

A EGR (Empresa Gaúcha de Rodovias) está executando a manutenção dos pavimentos da ERS-040, no trecho entre o km 11, no entroncamento com a ERS-118, em Viamão, e o km 94, em Pinhal.

No momento, o serviço ocorre entre o km 70 e 74. Com duração de 12 meses, o contrato tem o valor de R$ 12 milhões e está sob responsabilidade da Construtora Pelotense.

“A ERS-040 é uma das principais rotas para o Litoral e sabemos que nos períodos de veraneio a rodovia recebe tráfego intenso, por isto, é importante o trabalho de manutenção. O foco é corrigir problemas que naturalmente vão surgindo e deixar a estrada em boas condições para os usuários”, destaca o diretor-presidente da EGR, Nelson Lidio Nunes.

Também está em fase de finalização a obra de alargamento de acostamento entre os kms 91,4 e 94,4 da ERS-040, em Pinhal. O valor do investimento é de cerca de R$ 1,3 milhão.

A expectativa é entregar a obra no final de novembro, quando a etapa de pavimentação for concluída. O trecho, no bairro Pontal das Figueiras, em Balneário Pinhal, tem movimento intenso de pedestres e ciclistas.

A obra prevê a padronização da largura do acostamento, melhorias na drenagem, principalmente das águas pluviais, e reforço da sinalização vertical e horizontal.

Viaduto

Ainda na ERS-040, está sendo construindo o viaduto no entroncamento com a ERS-118. A estrutura, que irá desafogar o tráfego local, onde há movimento intenso, já teve a primeira metade das fundações finalizada.

As intervenções iniciaram em julho, com contrato de 12 meses e investimento de R$ 16 milhões. Com previsão de conclusão para metade de 2019, o viaduto terá vão livre de 5,5 metros e pista dupla, prevendo futura duplicação da rodovia.


Compartilhe: