Dono de floricultura é preso em flagrante por furto de água em Sapucaia do Sul

Segundo a Polícia Civil, na ação, o dono de uma floricultura de Sapucaia do Sul foi preso em flagrante depois de verificada a ligação direta na rede

Compartilhe:

Nesta quarta-feira a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio das Concessionárias e os Serviços Delegados (DRCP), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), desencadeou mais uma etapa da Operação Fonte da Vida, no combate ao furto de água.

Segundo a Polícia Civil, na ação, o dono de uma floricultura de Sapucaia do Sul foi preso em flagrante depois de verificada a ligação direta na rede da Corsan, sem medidor, de maneira que toda a água consumida no local era produto de furto.

O Delegado de Polícia Alexandre Luiz Fleck ressalta que o furto de água por estabelecimentos comerciais acarreta um grande prejuízo para a “empresa vítima”.

“Bem como para toda a sociedade que arca com o pagamento do consumo realizado pelo infrator e ainda deixa de ter o retorno do investimento em saneamento básico. Alem disso, há fatores como diminuição de arrecadação de impostos, perigo de desabastecimentos e, por fim, fomenta uma concorrência desleal.”

O nome do proprietário da floricultura não foi divulgado.


Compartilhe: