Brigada Militar forma 506 novos soldados para o policiamento ostensivo

Dos 506 novos soldados, 121 são mulheres. Foto: Dani Barcellos/Palácio Piratini

O policiamento ostensivo do Rio Grande do Sul passa a contar com 506 novos brigadianos. A Brigada Militar formou, nesta sexta-feira (6), em cerimônia no Ginásio Gigantinho, em Porto Alegre, os soldados que devem atuar nas ruas a partir desta segunda-feira (9). Os novos brigadianos serão distribuídos, nos primeiros 30 dias, nos municípios com maiores indicadores de criminalidade. Depois, serão realocados em outras cidades.

“Hoje celebramos esta importante conquista na carreira de todos vocês, e acima de tudo, estamos aqui para concretizar mais uma conquista de toda a sociedade. A comemoração é, não apenas dos novos soldados e seus familiares, mas de todos. São novos policiais que vão auxiliar na Segurança Pública do Rio Grande do Sul”, ressaltou o governador José Ivo Sartori, ao participar da solenidade.

Os soldados receberam o diploma de conclusão do Curso Básico de Formação Policial Militar/Curso Superior de Tecnologia em Aplicação de Polícia Militar, com carga horária de 1.650 horas-aula. O curso foi dividido em três módulos: conhecimentos específicos da atividade policial-militar, disciplinas de direito (penal, penal militar, processo penal militar, institucional), sociologia da violência, uso da força e da arma de fogo, decisão de tiro.

Dos 506 novos soldados, 121 são mulheres, e o secretário da Segurança Pública, Cezar Schirmer destacou que este é “um número que representa um importante avanço na gestão da representatividade feminina dentro da corporação”, avaliou. Schirmer ainda frisou que os novos soldados vêm para reforçar as políticas de Segurança e melhorar os indicadores no Estado.